Ossuário: uma solução econômica que você precisa conhecer melhor!

Ossuário Praça da Eternidade - Cemitério Parque das Cerejeiras

Você sabe o que é um ossuário e quanto custa um ossuário? Como funciona um ossuário e qual a relação entre o ossuário e a exumação, ou o ossuário e o jazigo? Neste texto, buscaremos responder estas e outras perguntas a respeito deste importante assunto.

O que é um ossuário?

Os ossuários são espaços construídos para a guarda dos ossos após a exumação e são utilizados como forma de manter, com todo respeito e cuidado, a memória da passagem de nosso ente querido por este mundo.

Por utilizar um espaço menor, os ossuários são vistos como uma solução racional e econômica para a guarda dos restos mortais.

Quem precisa de um ossuário?

Famílias que não possuem jazigo próprio comumente acabam, no momento de sepultar seu ente querido, se utilizando da quadra geral em cemitérios públicos ou alugando/emprestando de parentes ou amigos um jazigo em cemitério particular. 

No entanto, três anos após o sepultamento será necessário desocupar o espaço alugado ou emprestado e dar um novo destino aos restos mortais. Neste momento, o ossuário se revela como a solução mais econômica.

Tipos de ossuários:

Para entender melhor o que é um ossuário, é importante saber também que existem diversos tipos de ossuário.

Os ossuários podem ser:

  • individuais ou coletivos
  • verticais ou subterrâneos
  • públicos ou particulares
  • perpétuos ou provisórios (por tempo determinado)

Na cidade de São Paulo, os ossuários em cemitérios públicos são provisórios e podem ser individuais ou coletivos. Normalmente carecem de uma manutenção apropriada e têm problemas com segurança, tornando-se um local pouco convidativo a homenagens.

Cemitério Público em São Paulo
Cemitério Público em São Paulo

Em 2020, a Prefeitura de São Paulo criou um ossuário em container com o objetivo de desafogar a superlotação dos ossuários coletivos.

Nos cemitérios particulares, os ossuários costumam ser espaços privativos, seguros, com manutenção constante, bem preservados e cuidados. Estes espaços possibilitam guardar e honrar para sempre a memória do falecido. 

Cemitério Parque das Cerejeiras
Cemitério Parque das Cerejeiras

Quanto custa um ossuário?

Outra dúvida frequente diz respeito a quanto custa um ossuário.

O preço de um ossuário em um cemitério público varia muito dependendo da cidade e do cemitério. No entanto, os ossuários em cemitérios públicos tendem a ser mais baratos que os ossuários em cemitérios particulares.  

Poucos cemitérios particulares oferecem o ossuário, já que normalmente o próprio jazigo é utilizado para a guarda dos ossos. Os que possuem este tipo de espaço dedicado chegam a cobrar até R$ 3.000,00 por um ossuário privativo, além da taxa de manutenção.

Também há cemitérios particulares que possuem um serviço de ossuário, para aquisição ou para planos com pagamentos mensais mais econômicos.

Exumação do corpo e a transferência dos ossos.

Exumação é o ato de desenterrar. O processo de exumação consiste em remover os despojos mortais (ossos) de um ente querido do jazigo para então acomodá-los em um local exclusivo para esta finalidade (ossuário) ou cremá-los.

Em São Paulo, a exumação dos restos mortais só pode ocorrer 3 anos após o sepultamento. Seja em quadra geral, jazigos familiares ou gavetas alugadas, o ossuário é uma solução bastante indicada para abrir espaço na gaveta para um novo sepultamento.

A transferência dos ossos de jazigo para ossuário dentro do mesmo cemitério pode ser feita no mesmo ato da exumação. Caso a opção seja levar os despojos para outro cemitério, será necessário enfrentar um processo mais burocrático, com declarações do cemitério de destino e da delegacia de polícia para autorizar o transporte.

Para saber mais sobre a exumação, não deixe de conferir nosso artigo no blog: “Exumação: O que é? O que fazer com os restos mortais?”.

Um jazigo pode ser também um ossuário?

Sim! É possível fazer do jazigo o próprio ossuário, guardando a urna com os ossos dentro do jazigo. 

Sendo assim, o jazigo é uma solução mais abrangente pois possui mais de uma função: possibilita o sepultamento e a guarda do corpo e a guarda dos restos mortais após a exumação. Já o ossuário, apesar de mais econômico, se limita a guarda de restos mortais após a exumação.

Qual a diferença de "ossário" ou "ossuário"?

De acordo com o dicionário, a definição da palavra “ossuário” é: “Lugar destinado ao armazenamento de ossos nos cemitérios; ossário.”. As palavras são, portanto, sinônimos com grafias diferentes. Confira a definição completa aqui.

Os primeiros ossuários da História.

Não é de hoje que os ossários existem. Caixas para guardar restos mortais já eram usadas desde a época em que os cemitérios não existiam e os sepultamentos eram realizados em cavernas.

Nos tempos de Jesus, era comum guardar os ossos de pessoas importantes em um receptáculo de pedra. Através da história, ossuários foram criados em cavernas, catacumbas, mausoléus e templos diversos, inclusive em igrejas.

Ossuário Cerejeiras – Uma solução econômica que você precisa conhecer melhor!

O Memorial Parque das Cerejeiras desenvolveu soluções para famílias que necessitam realizar a exumação e não têm um local para destinar os restos mortais do seu ente querido. 

Nossas soluções possuem preços acessíveis e contam com coberturas variadas para atender às diferentes necessidades de cada família.  Clique aqui para saber mais.

Se preferir, entre em contato com a gente! Estamos à disposição para te ajudar e certamente encontraremos o plano ideal para garantir praticidade e tranquilidade para sua família em todos os momentos.

Preencha o formulário abaixo para conhecer nossas soluções.

[]
1 Step 1
keyboard_arrow_leftPrevious
Nextkeyboard_arrow_right

Deixe uma resposta